As roupas e a crise

Parece estupido e fútil pensar em roupas em um momento como esse, onde a crise bate forte na porta de todo mundo. Em maior ou menor grau, todos estão sofrendo com o buraco que se tornou o país. Em situações assim deixamos de lado assuntos mais amenos como roupas.

Claro que faz sentido, com o mundo explodindo sob nossos pés, quem tem cabeça pra pensar no look do dia?! Mas são nessas horas que devemos respirar fundo e tentar tirar algum proveito do prejuízo, e nada melhor pra seguir em frente do que animo. E nisso as roupas podem ajudar.imagem 1 as roupas e a crise

Por mais que a gente se sinta um caco, não se entregar ao desespero e deixar o desleixo tomar conta é importante. Afinal, são nas horas mais necessárias que devemos mostrar nosso potencial. Ir bem vestido em uma entrevista de emprego pode ser fundamental para o sucesso, pode ser a diferença entre a escolha de dois candidatos com currículos semelhantes.

Mostrar que estamos preparados para o que der e vier é essencial, e nessa primeira impressão as roupas são quase mágicas. Se vestir bem não quer dizer comprar coisas caras, mas sim investir em peças com bom caimento e condizentes com o cargo que você deseja.

Mesmo pra quem não está em busca de um trabalho novo, manter o seu emprego é algo valioso e se mostrar empolgado e preparado pode fazer as pessoas depositarem mais confiança em suas habilidades.

Afinal, as roupas são o jeito que temos de por pra fora o que somos por dentro, use isso a seu favor em todos os momentos, até nas crises!

 

 

PS: foto de artista desconhecido

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *