As semanas de moda e a vida na moda

Toda estação é a mesma coisa, as grandes marcas fazem seus desfiles e nós ficamos ansiosos pra ver as novidades. Quais as modelagens, tecidos, cores e possivelmente as releituras do que já vimos alguns anos atrás, mas cada vez com um detalhe diferente. Particularmente os desfiles me fascinam e os períodos das semanas de moda espalhadas pelo mundo fazem meu coração acelerar! Mas tempos depois surge uma outra sensação, a de ver as tendências se tornarem realidade, de ver a passarela e o street style tomando conta das vitrines e chegando aos olhos das consumidoras que pouco se importam com os desfiles, mas sim com o que vão levar pra casa.imagem 1

Mesmo não assistindo aos fashion weeks, a maioria das mulheres gostam de se sentir na moda e usam as lojas como meio de chegar a isso. Mas existem tantos “must have” que dá um nó na cabeça e as vezes as tendências simplesmente não se encaixam com o seu gosto ou estilo de vida. É aí que entram aquelas compras por impulso, aquelas roupas que vão pro armário e nunca saem de lá e aquela terrível e conhecida sensação de abrir um closet cheio e sentir que não tem nada pra vestir. imagem 2

A moda está aí pra libertar, expressar e fazer se sentir bem. As tendências são novos caminhos de falar a mesma coisa, de mostrar do lado de fora o que somos do lado de dentro, sempre em constante transformação. Isso é lindo, é animador e eu digo que é até mágico. Mas essa conexão maravilhosa só acontece quando a gente sabe ver as novidades, filtrar pra nossa vida e ficar somente com o que faz sentido, deixando o resto de lado sem nenhuma culpa.
imagem 3
As vitrines sempre são tentadoras e piscam como neon na nossa cara, mas com muito treino aprendemos a só dar atenção ao que funciona pra gente. Ai a moda passa a ser divertida, empolgante e as semanas de moda se tornam inspirações, mas nada além disso.

 

PS: Fotos do site FFW, a primeira do desfile da Proenza Schouler em NY, a segunda do desfile da Burberry em Londres e a terceira do desfile da Moschino em Milão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *