Patricia Motta

Mesmo trabalhando com moda é impossível conhecer todas as marcas, e quando surpresas boas aparecem é muito empolgante. Quando eu digo conhecer, não estou me referindo apenas em saber que existe e olhar pela internet e nas paginas das revistas, mas de fato em ter um contato com o produto, experimentar, interagir e realmente conseguir falar com um pouco mais de propriedade sobre as peças. Esses dias eu recebi um convite muito bacana pra conhecer de verdade a marca Patricia Motta e adorei, é muito mais incrível do que parece pelas fotos.

Com um atelier novo aqui em São Paulo, a marca mineira quer atender suas consumidoras paulistas em um espaço especial. A loja fica na Rua Oscar Freire, mas bem escondidinha em um prédio. É daqueles tipos de tesouros secretos que só quem sabe onde procurar consegue achar! Logo que passei pela porta já gostei do jeito de exposição dos produtos e da iluminação, que facilitam bastante na hora de escolher as peças. Mas vamos para o mais importante, as roupas…imagem 1 patricia motta

Couro! Esse é o carro chefe da marca Patricia Motta, mas se engana quem pensa somente naquelas jaquetinhas básicas em preto e caramelo. Fiquei muito impressionada em ver quanta coisa dá pra fazer com couro, principalmente as estampas, texturas (essas são de fato chocantes, tem uma que parece linho) e acabamentos.imagem 2 patricia motta

Mas não é só de couro que vive a marca, apesar de ser a aposta geral, existem peças em outros materiais, como jeans, seda e até malha. Então é super fácil criar combinações incríveis misturando tecidos mais leves com outros mais encorpados.imagem 3 patricia motta

Pra quem também está preocupado com o couro nesse calor, muitas peças tem acabamentos bem levinhos, o que as torna possíveis de serem usadas até em dias mais quentes. Inclusive, existem alguns modelos cheios de recortes a laser, o que torna ainda mais fácil pra fazer sobreposições no verão.imagem 4 patricia motta

Outro ponto importante é a conscientização ambiental, a marca só usa couro de animais que já foram aproveitados de outras formas, como para alimentação. Nenhum animal é sacrificado para virar casaco. Além de todo processo de tratamento ser feito de uma maneira que não agride o ambiente.

Muitas peças podem ser personalizadas e confeccionadas a partir da vontade do cliente, principalmente os vestidos de festa, que podem ser construídos no tamanho e cor preferida de cada uma. A grade é bem ampla e os valores totalmente dentro do esperado pro mercado, principalmente considerando todo o trabalho, material e acabamento das peças. As peças mais simples saem em torno de duzentos, as de couro a partir de mil e os vestidos de festa até sete mil.imagem 5 patricia motta

Falando em roupa de festa, a maioria delas também são produzidas em couro, mas não passa nem perto daquelas peças rusticas com cara de rodeio. Todos os vestidos são super delicados e com uma modelagem bem fluida, muitas vezes misturadas com tules pra dar um bom caimento e ficar confortável! O tule é uma ótima técnica pra trabalhar junto ao couro, adorei ver essa mistura não somente nos vestidos de festa, mas também em algumas calças, jaquetas, saias e vestidos, todos feitos de um jeito super discreto e elegante.imagem 6 patricia motta

A marca também investe em acessórios, então dá pra encontrar sapatos, carteiras e vários modelos de bolsas, todas no estilo clutch e produzidas em couro, algumas até têm detalhes em pelo. Pra quem quer algo pra casa, dá pra encontrar sabonetes líquidos com uma embalagem linda.imagem 7 patricia motta

Adorei conhecer a marca de perto, o conceito é diferente, bem elaborado e com execução impecável. Patricia Motta entrou pra minha lista de marcas bacanas pra levar vocês!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *