Arquivo da tag: inspiração

Nunca Pensei – Inspiração Masculina em um Look Feminino

Essa semana é toda dedicada aos looks andrógenos e a nossa peça principal é uma jaqueta cinza bem básica, confortável e versátil. Ontem ela apareceu por aqui num look todo preto, mas agora é hora de sair um pouco do all black e colocar um toque de cor nessa produção. Escolhi tons caramelos e nudes pra começar devagar nesse tema tão atual.

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Camiseta branca com uma golinha de couro preta, shorts curto com bolsos a mostra e uma estampa atemporal discreta e a nossa jaqueta fazem o combo basiquinho com estilo! Mas a quem marca presença nesse look são os acessórios grandes e pesados, que lembram bastante o armário masculino.

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

O oxford já é um sapato que pegamos do armário deles, agora o estilo tomboy traz uma releitura desse modelo ainda com mais charme e uma sola branca grossa aparente.

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

A bolsa dura, estruturada e nesse formato de mala também remete ao visual dos meninos, mas aqui ela aparece com uma textura bem interessante.

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

O brinco está aqui numa versão pequenina, apenas para ser um pontinho de luz discreto.

Foto Rafael Serra

Foto Rafael Serra

Todos esses elementos são tipicamente masculinos, mas as peças em si são femininas e isso é o que mais me atrai no estilo sem gênero, a ideia de usar referencias do closet masculino, porem em peças femininas, pra criar um look poderoso e cheio de personalidade, mas sem cara de ter saído diretamente do armário de um garoto.

 

Fotografado por Rafael Serra

Produzido por Tv Lacuna

Modelo Carol Cury

Flores by Flowers and More

 

De onde são essas peças:

– Casaco: Canal

– Shorts: Canal

– Camiseta: Zara

– Sapato: Arezzo

– Bolsa: Le Sacs

– Brinco: Forever 21

Nunca Pensei – Direto de Hogwarts para o seu Armário

A inspiração de hoje para o look da nossa incrível peça da semana é Hogwarts e a casa Grifinória. Todos os uniformes do colégio de magia são cinza, então escolhi muitos elementos nessa cor. E como a casa dos nossos protagonistas é representada pela cor vermelha, escolhi alguns acessórios nessa família pra compor o nosso visual!nunca_pensei_img_6800
nunca_pensei_img_6801

Saia de couro e salto alto!! Look poderoso porque receber a carta de Hogwarts não é pra qualquer um, então esses elementos fortes estão aqui pra cumprir a tarefa de dar um ar mais glamuroso pra nossa produção. Tudo em cinza, com texturas e tecidos diferentes porque brincar com esse mix é algo muito interessante e o resultado é ótimo.nunca_pensei_img_6815 nunca_pensei_img_6812 nunca_pensei_img_6830 nunca_pensei_img_6828nunca_pensei_img_6833

Chegando à família de vermelhos, uma bolsa vinho pequena com alça dois em um com algumas correntes pra dar um drama. O dourado presente nas ferragens da bolsa e no brinco também aparece porque a cor representa a Grifinória junto com o vermelho. O rosê foi escolhido pra compor esse look no brinco e na echarpe por sua delicadeza e por pertencer à família dos vermelhos.nunca_pensei_img_6806 nunca_pensei_img_6824 nunca_pensei_img_6821 nunca_pensei_img_6819

Esse look foi criado com muitas referencias aos filmes, mas isso não quer dizer que ele não possa ser usado nas ruas, já que todas as peças são super simples de encontrar. O legal de fazer esse tipo de associação é que logo de cara ninguém percebe o que o look diz, mas o nosso inconsciente acaba puxando as lembranças do que estamos vendo.

 

 

Fotografado por Rafael Serra

Produzido por Tv Lacuna

Modelo: Carol Cury

Flores by Flowers and More

 

De onde são essas peças?

– Casaco: The Wizarding World Of Harry Potter

– Saia: Forever 21

– Sapato: Santa Lolla

– Bolsa: Le Sacs

-Brinco: Costume

 

 

Colorido atemporal dos anos 60

Uma das inúmeras coisas que a gente aprende na faculdade de moda é a distinguir a maneira que as pessoas se vestiam de acordo com as décadas. Shapes, estilos e cores caracterizam uma determinada década na moda e assim as referencias são construídas. Porem a partir dos anos 2000, essas referencias começaram a se mesclar e não temos mais uma moda exata que defina nosso período de tempo. Com os avanços tecnológicos, acesso a informações em tempo real e um mercado que muda muito rápido, ficou impossível ter  a mesma moda por 10 anos e o atual agora é um mix muito bacana de milhões de inspirações.

Junto com esse boom de peças que “entram e saem” de moda muito rápido, sempre existem os clássicos, que são as peças atemporais que sobrevivem com muita graça e elegância à todas as tendências passageiras. Normalmente pensamos nessas roupas com cortes retos, cores neutras e sem muita invenção, mas o fato é que o atemporal não se restringe apenas no básico, mas já criou uma família muito maior, cheia de cores e estampas.imagem 1 colorido atemporal dos anos 60imagem 2 colorido atemporal dos anos 60imagem 3 colorido atemporal dos anos 60

Esse momento de união das décadas criando um atemporal amplo, não poderia ser melhor identificado do que na exposição da Rhodia que está no Masp, onde muitas peças dos anos 60 (as mais interessantes e usáveis hoje em dia do ano 1968) poderiam sair dos manequins do museu agora mesmo e começar a desfilar pelas ruas sem cara de fantasia.imagem 4 colorido atemporal dos anos 60imagem 5 colorido atemporal dos anos 60

Essas peças têm modelagens muito usadas hoje, ou que foram usadas dois anos atrás e até mesmo algumas coisas mais diferentes que eu aposto que em breve voltam para as araras das lojas. Além disso, o jogo de cores e as misturas de estampas não poderiam ser mais atuais.imagem 6 colorido atemporal dos anos 60imagem 7 colorido atemporal dos anos 60

É uma ótima percepção do mundo da moda, estamos mais livres para nos vestirmos do jeito que nos sentimos bem, não existe muito mais o conceito rígido do fora de moda, mas sim o de adequação para momentos de vida. E muitas peças do armário da vovó podem sair na rua com muito estilo.imagem 8 colorido atemporal dos anos 60Pra quem ainda não visitou, a exposição fica no Masp até fevereiro e a entrada inteira custa 25 reais, porem as terças é gratuita pra todo mundo. Recomendo, é um passeio ótimo, cheio de história, referencias e moda.

 

Fonte:

Todas as fotos foram tiradas por mim na exposição da Rhodia no Masp.

Ambiente temático

As vezes achar um ponto de partida para iniciar uma decoração é difícil. Pensamos em varias coisas que gostamos e juntamos milhões de referencias que não combinam entre si. Um jeito mais simples de começar a eliminar opções e selecionar outras é partindo de um tema.imagem 1 ambiente tematico

Isso acontece nas coleções de roupas que vemos em todas as vitrines, os estilistas escolhem um tema e a partir dele desenvolvem as coleções. Então porque não fazer isso em casa?? Lembre-se de que a decoração da nossa casa é muito durável e os materiais são resistentes e não precisam ser substituídos com frequência. Nesse caso, deixe a modinha passageira de lado e utilize ideias que rendam boas opções atemporais.  Por exemplo, não é aconselhado uma casa em neon, mas usar elementos étnicos pode resultar em ótimas misturas.imagem 2 ambiente tematico

Escolher um tema deve partir de você, o que você gosta, o que te faz feliz e te anima? Quando tiver essas respostas, chegou a hora de buscar referencias para criar um ambiente inspirado e não com cara de fantasia. Afinal, não é porque o sua decoração é baseada na natureza que sua casa deve parecer o lar do Tarzan.imagem 3 ambiente tematico

Nos quartos das crianças é mais fácil soltar a imaginação e abusar dos temas escolhidos. Mas isso pode ser feito em toda a casa, basta observar as texturas, cores, estilos, estampas, mobílias e tudo mais que o seu tema possa oferecer para inspirar o seu cômodo dos sonhos.